Logo PARAÍBA.com.br

17 de April de 2014


Comerciária é espancada e estuprada por dois bandidos em Mandacaru

27/10/2010 | 07h17min

Paulo Cosme

Uma comerciária de 19 anos, que trabalhava no ramo de vendas  no bairro de Manaíra, passou por maus momentos ao ser espancada e estuprada por dois bandidos. O fato aconteceu no final da noite de terça-feira (26) no bairro de Mandacaru, em João Pessoa.

A vítima contou à polícia que tinha deixado à casa da irmã, na comunidade Alto do Céu, onde foi pegar a sua rescisão contratual. Por volta das 23h30, quando se encontrava numa parada de ônibus, apareceram dois homens armados de revólveres.

Eles apontaram as armas, anunciaram o assalto e depois obrigaram a jovem a seguir com eles até um local conhecido por “Pedreira” onde ela foi barbaramente espancada e violentada sexualmente. Antes de manter relações sexuais, um dos homens teria perguntado ao comparsa se ele iria usar camisinha e ele respondeu que não.

Depois de praticar violência física e sexual, os bandidos foram embora e abandonaram a comerciária no local. A jovem chegou até uma rua e ligou para polícia que só veio tomar conhecimento do fato por volta das 02h30. Uma viatura foi enviada ao local e encontrou a vítima sangrando muito pela vagina e com o corpo, principalmente o rosto, cheio de hematomas.

A comerciária foi levada para a Maternidade Cândida Vargas, aonde foi submetida exames e medicada para evitar o aparecimento de doenças sexualmente transmissíveis e uma gravidez indesejada.  A jovem também será acompanhada por uma equipe de psicólogos e assistentes sociais para diminuir o trauma que ele ficou devido à violência que sofreu.

Depois que os policiais deixaram jovem no hospital, eles voltaram ao bairro de Mandacaru e ainda realizaram investigações e buscas na tentativa de prender os acusados pelo crime, mas até a manhã desta quarta-feira (27) ninguém tinha sido preso.

Com informações do repórter Vinícius Henriques