Logo PARAÍBA.com.br

18 de December de 2014


Professores confirmam greve para sexta; governo tenta evitar paralisação

13/04/2011 | 12h20min

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Paraíba (Sintep) confirmou que está mantida para esta sexta-feira (15)o início da greve geral do professores da rede estadual de Ensino. Enquanto isso, o Governo do Estado tentar evitar a paralisação.

Na busca de um acordo, hoje a tarde os secretários Afonso Scocuglia (Educação) e Gilberto Carneiro (Administração) vão tentar negociar com os líderes do movimento para evitar a suspensão das aulas. O encontro acontece na Capital.

Antes disso, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Paraíba (Sintep) promove assembleias simultâneas em 12 regionais de todo o Estado. Os pleitos dos professores deverão ser levados mais tarde para o encontro com os secretários.

A primeira assembleia geral da greve, caso ela venha acontecer, está programada para as 15h da sexta-feira, na sede do sindicato, em João Pessoa. Em março, a categoria paralisou os trabalhos por dois dias, prejudicando cerca de 400 mil alunos.

O Sintep reivindica o reajuste do piso nacional, de 13,73%, o pagamento das gratificações dos servidores que não receberam em janeiro, a nomeação de professores concursados e a realização de novos concursos.



Porém, de acordo com o secretário de Educação Afonso Scocuglia, o reajuste solicitado pelos manifestantes está fora do orçamento e já está descartado. Ele afirmou, ainda, que seria “uma irresponsabilidade” abrir um concurso neste momento.


Paulo Cosme