Logo PARAÍBA.com.br

30 de July de 2014


Travesti, famosa no YouTube, diz que já transou com jogador de futebol; veja vídeo

19/05/2011 | 12h25min

A travesti Luisa Marilac, de Minas Gerais, famosa desde que um vídeo seu virou febre no YouTube, concedeu uma entrevista ao jornal do Rio de Janeiro, Meia Hora. Luisa revelou que já se prostituiu, posou nua e transou com jogador de futebol.

Confira na íntegra a entrevista:

"A travesti Luisa Marilac, que nesse verão europeu decidiu fazer algo diferente, bebeu uns ‘bons drinque' e bombou na Internet com vídeo em que aparece na piscina de uma cobertura chiquérrima na Espanha, está fazendo uma série de apresentações pelo Brasil. Ela aproveita a fama que conseguiu depois que mais de um milhão de pessoas já assistiram ao seu momento de puro charme, que foi gravado e postado no site YouTube, transformando em bordões tiradas engraçadíssimas como esta: "E teve boatos que eu estava na pior. Se isso é estar na pior, ‘pohãn', o que quer dizer estar bem, né?".

Nas apresentações, Luisa conta histórias da sua vida, desde quando era criança em Além Paraíba (MG), e também dança e ataca de DJ. Só não revela a idade. De jeito nenhum. Vaidosa, ela tem 22 litros de silicone no bumbum, dois em cada seio e acaba de aplicar botox no rosto, mas já planeja outra recauchutada com a grana que vem faturando: "Vou levantar a bunda e a ‘tetinha', porque já dá para jogar embaixadinha, meu bem".

Assim é Luisa. "E teve boatos"...

Por que você saiu do Brasil e foi morar na Europa?
Quando eu tinha uns 15 anos, fui dar uma pinta na rua e levei sete facadas. Perdi um pulmão, tenho cicatriz até hoje. Fiquei com marcas no corpo, na cabeça, nas pernas. Conversei com minha mãe e, um tempo depois, fui para a Itália.

Você já se prostituiu?
Já fiz de tudo, meu bem. Estou na Europa há 17 anos. Uns 15 na Itália e dois na Espanha.

Como surgiu a ideia de gravar o vídeo na piscina daquela cobertura na Espanha, bebendo seus ‘bons drinque' e dizendo que estava vivendo numa boa?
Conheci um italiano babado que me levou para a Espanha. Mas ele me roubou e me largou lá. Estava arrasada. A dona da casa onde gravei o vídeo me viu chorando e me chamou para ficar lá. Voltei a me prostituir, até que conheci um cara que não me deixou mais me prostituir. Estava numa fase muito feliz da minha vida, decidi fazer o vídeo para ele. Já tinha tomado meus ‘drinque', né? Deu nisso.

Mesmo na piscina rasa você parece que vai se afogar... Sabe nadar?
Não só não sei nadar como não tenho um pulmão. Mas como tenho 22 litros de silicone na bunda, não afundo, querida, eu bóio. Tenho que aprender a nadar para não fazer mais aquele vexame!

Como foi o início da sua vida sexual? Começou cedo?
A gente já nasce com fogo no rabo desde cedo, né? E eu não parava em casa, já comecei cedo mesmo. Com 8 anos, eu comecei a brincar. Com 10 eu já estava... Ninguém sonha em ser prostituta, em ficar em pé na estrada correndo risco para conseguir alguma coisa. Tem muito travesti que tem talento, mas não tem oportunidades, como eu tenho. Meu sonho era ter uma vida normal, mas tive que me prostituir porque gosto de ter os meus bons perfumes. Eu já fiz de tudo na minha vida.

O que você achou da receptividade dos brasileiros agora que voltou como celebridade da Internet? Você já foi até eleita a diva dos gays do Brasil...
Nós gays, transexuais, somos muito carentes. Pela primeira vez uma pessoa me olhou e pediu para tirar foto. Sempre vou brigar contra a homofobia, até porque me deram título de diva dos gays. Sou praticamente analfabeta, o que tenho para dizer é contar a minha experiência de vida. Mas não gosto da violência contra os gays que tem no Brasil.

O deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) tem causado grande polêmica em todo o Brasil por conta de sua posição contra os homossexuais. O que você acha dele?
Esse homem conseguiu me estressar. Como eu queria sentar de frente para ele, em um programa de televisão, para conversarmos... Eu ia mostrar para ele por que, independente de eu só ter até a quarta série, sou mais inteligente que ele. Se a gente não fizer nada contra isso, ele vai continuar lá fazendo tudo contra nós, falando mal da gente e instigando a violência porque, pra mim, ele instiga a violência. Queria arrancar minha roupa na frente dele e mostrar minhas marcas, perguntar se por eu ser travesti tinham o direito de fazer o que fizeram comigo

É verdade que você vai participar da próxima edição do reality show ‘A Fazenda', na TV Record?
Não vejo a hora de eles entrarem em contato comigo. Para mim, vai ser um privilégio, mas até agora não falaram nada. Como eu já disse e asseguro a vocês, vou tirar muito leite do touro.

Você pretende operar? E posar nua?
Primeiro quero saber se tem prazer mesmo, meu bem, porque isso é uma coisa divina. Se eu tiver certeza que tem, eu me opero. E já posei nua várias vezes na Europa, mas aqui é diferente. Posaria dependendo do cachê. Mas como vim ao mundo, porque comigo não tem esse babado de esconder nada, não. Faço questão de posar com o bilau de fora. O povo que comprar a revista é porque quer ver. E olha que tenho enorme, hein? São 22 centímetros, querida. E funciona!

E essa história de já ter transado com astros do futebol e do tênis europeu. Vai botar pra jogo?
Todo mundo sabe que eu transei com um jogador de futebol e um jogador de tênis, mas não vou falar, uai! Não sou igual a essa bicha que falou do Ronaldinho (o ex-jogador Ronaldo Fenômeno, que foi parar na delegacia depois de ir com três travestis para um motel na Barra da Tijuca, em abril de 2008). Eu jamais falaria uma coisa dessa. Primeiro porque o jogador de futebol pagou meu silêncio, 40 mil euros (cerca de R$ 92 mil). O de tênis foi mixuruca. Segundo que não tem por que eu destruir a vida de um ser humano só porque ele quis dar umazinha. Foi babado, uma delícia!

E os cariocas? São delícia?
Aprendi uma coisa com a vida: esses homens não valem nada. Então prefiro ficar sozinha. Mas adoro as praias cariocas, os homens são fantásticos. Desde que cheguei da Espanha, não dei umazinha, acredita? Mas quero tirar proveito, porque adoro os cariocas. Tomara, né?"

Meia Hora