Logo PARAÍBA.com.br

27 de August de 2014


Três pessoas são assassinadas a tiros de espingarda 12, revólver e facadas na grande João Pessoa

10/09/2011 | 07h36min

Três pessoas foram assassinadas a tiros de espingarda calibre 12, revólver e a facadas na noite desta sexta-feira (9) na grande João Pessoa. Os homicídios aconteceram num intervalo de menos de duas horas.

O primeiro assassinato foi registrado por volta das 20 horas no Bairro São José e teve como vítima um comerciante conhecido por “Aritana”. Segundo informações da polícia ele estava dentro do seu estabelecimento comercial quando chegaram dois homens encapuzados.

Os desconhecidos não disseram nada e efetuaram um disparo de espingarda calibre 12 que acertou o abdômen do comerciante. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas como a ambulância demorou a chegar o comerciante foi colocado numa viatura da polícia, mas não resistiu à gravidade do ferimento e morreu no local.

Durante as investigações a polícia tomou conhecimento de que o comerciante tinha sido assaltado e por causa desse crime quatro acusados que moram no bairro de Mandacaru chegaram a ser presos, e recentemente ganharam a liberdade.

O outro assassinato aconteceu poucos minutos depois no conjunto Valentina de Figueiredo e teve como vítima o ex-presidiário José de Arimatéia da Silva, 29 anos.

Segundo informações da polícia ele vinha da casa de uma irmã e quando pedalava sua bicicleta por uma rua do loteamento Paratibe foi alvejado com vários disparos que atingiram o tórax e a cabeça e ele morreu no local. De acordo com a polícia, o ex-detento cumpriu pena de seis anos por homicídio no presídio Sílvio Porto e há poucos dias estava em liberdade.

O terceiro assassinato na noite aconteceu por volta das 21h30 na Praia do Poço, em Cabedelo. Um homem foi morto a golpes de faca e um terreno baldio. A polícia desconhece os autores do crime, mas suspeita de que o caso possa ter relações com o tráfico de drogas.


Paulo Cosme com Vinícius Henriques