X
Dólar
Euro
Tue Dec 18 10:03:46 GMT-03:00 2018

Paraíba

Com mais de sete mil habitantes, Ilha do Bispo é um bairro rodeado pela águas do Rio Sanhauá

2011-12-03 15:38:00.0

O historiador Pedro Antonio das Flores divulgou esta semana um breve relato sobre a história do Bairro Ilha do Bispo, em João Pessoa. De acordo com ele, o núcleo habitacional foi fundado em 21 de setembro de 1586, tendo como seus primeiros habitantes os índios Piragibe. Suas terras foram pertencentes ao primeiro Arcebispo Hemérito da Paraíba: Dom Adauto Aurélio de Miranda Henrique.

Pedro Flor explica que o nome Ilha do Bispo surgiu porque cerca de 80% de suas terras são rodeadas pelo Rio Sanhauá e um de seus afluentes. “Dom Adauto herdou essas terras de sua família, tendo em vista o pouco aproveitamento, já que possuía muitas atividades religiosas, deixou-as aos cuidados de seu sobrinho Godofredo. No interior dessas terras havia uma fazenda com denominação: Fazenda da Graça. Em seguida houve o loteamento de terrenos para construção de moradias”, explica o historiador.

Ele afirma que anos depois, o senhor Godofredo assumiu as terras por completo e em seguida ele as vende ao Grupo Alfredo Portela que por sua vez, construiu a Fábrica de Cimento no Bairro (fato acontecido à cerca de 76 anos).

A Ilha do Bispo possui um total de 7.896 habitantes dos quais: 4.187 são mulheres e 3.799 são homens. Vale salientar que 4.621 já são eleitores e domicílios recenseados são 2.507. O bairro tem duas escolas particulares (número não informado de estudantes). Alunos matriculados na Ilha do Bispo: 1.535 (total). Subdividindo-se em três colégios e uma creche. Os educandários são os seguintes: Escola de primeiro e segundo grau Raul machado (737 alunos); Escola Municipal Frutuoso Barbosa (415 alunos); Escola José Peregrino de Carvalho (283 alunos); Creche Maria José de Miranda Burity (100 crianças em sala de aula e 20 berçários), total: 120 crianças. Centro de Saúde da Família, Antonio Padre das Flores (possuindo 02 PSF’S (PSF 1 e PSF 2). CRAS: Instituição do Município de João Pessoa.

O Bairro também possui o Núcleo Integrado de policiamento Comunitário, que presta serviços á sociedade (polícia militar e civil); uma ONG, denominada de: Arca, Subestação da Energisa (energia) Cimpor: fabrica produtora de cimento. Galpão pertencente ao Governo do Estado. Praça de esportes: Estádio Robson Duarte Espínola (Campo do Maguari); Clubes filiados à Federação Paraibana de Futebol: Maguary e Paulista. Praça do laser:Praça do Índio Piragibe. Sede do Conselho Comunitário da Ilha do Bispo. Projeto (pertencente ao Conselho Comunitário), no qual são realizados Cursos profissionalizantes, em um prédio que pertence à Cimpor.

A Ilha do Bispo também tem saneamento Básico com bacia de tratamento (Estação de Tratamento), todas as ruas estão calçadas e o bairro tem três Igrejas Evangélicas, sendo elas: Assembléia de Deus; Congregacional; Presbiteriana; Igreja Católica e duas Capelas, sendo elas: Igreja Senhor do Bomfim; Capela Santo Antônio; Capela de São Pedro Apóstolo;

O comércio do bairro é formado por três mercadinhos; duas Padarias; depósitos de Gás; vários Bares (bebidas); abatedor de Frangos; duas borracharias; três salões de beleza e oficinas mecânicas. Os meios de transportes públicos são o trem e os ônibus. O bairro 22 logradouros entre ruas e avenidas.



Paulo Cosme

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Paraíba.com.br não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo após o encerramento das eleições de 2018.