Logo PARAÍBA.com.br

30 de September de 2014


Nadadora culpa redes sociais por perda da medalha de ouro

31/07/2012 | 19h32min

Emily Seebohm era apontada por todos como a provável vencedora da prova dos 100 metros costas nos Jogos Olímpicos de Londres. Inclusive, esse favoritismo parecia ter se confirmado já nas provas classificatórias, quando a garota australiana bateu o recorde olímpico da modalidade.

Entretanto, na final, Emily ficou com a prata, perdendo o ouro para a americana Missy Franklin, uma jovem de apenas 17 anos de idade. Logo após a premiação, Seebohm caiu em prantos e tentou explicar a derrota.

Segundo a atleta, apesar de a nadadora dos Estados Unidos ser realmente um fenômeno, o principal fator que influenciou a perda do ouro foi outro: o abuso das redes sociais. De acordo com o jornal australiano The Sydney Morning Herald, a garota disse que deveria ter se desconectado “mais cedo” do Facebook e do Twitter.

Emily Seebohm foi mais longe e admitiu ter abusado um pouco da autoconfiança. Segundo ela, muitas pessoas começaram a parabenizá-la pelo ouro antes mesmo de a prova final acontecer. De acordo com a atleta, milhares de pessoas começam a falar que a medalha já estava ganha e ela, infelizmente, acreditou.

O resultado a gente já sabe. A australiana nadou de forma mais relaxada e acabou perdendo a medalha. A jovem, inclusive, não conseguiu nem igualar o próprio tempo atingido na prova anterior – que teria sido suficiente para a conquista do ouro. Será que daqui pra frente ela vai pegar mais leve no Facebook e no Twitter?



Tec Mundo