Logo PARAÍBA.com.br

19 de April de 2014


Ricardo assina ordem de serviço para pavimentação da PB-228 no Sertão do Estado

07/12/2012 | 09h20min

O governador Ricardo Coutinho assina, nesta sexta-feira (7), a partir das 10h, a ordem de serviço para execução de melhoramento e pavimentação da PB-228, denominada ‘Rodovia da Reintegração’, na qual serão investidos R$ 62.409.907,92. Durante a visita ao município de Salgadinho, ele inaugura mais uma etapa da obra de implantação do Sistema Integrado Adutor Patos-Assunção, que garantirá o abastecimento de mais de 3 mil habitantes, com investimentos de R$ 12,7 milhões.

A Rodovia da Reintegração tem 84,2 km e interliga os municípios de Assunção, Salgadinho, Areia de Baraúna, Passagem, Quixaba, entroncamento da BR-230 e acesso a Cacimba de Areia. As obras prevêem a restauração e adequação de capacidade do entroncamento da BR-230 a Assunção, com 8 km.

A obra está dividida em dois lotes. No lote I, com 39,3 km, contempla o trecho entre Assunção/Salgadinho/Areia de Baraúnas/Entroncamento do acesso a Passagem. O valor estimado é de R$ 35.209.982,29. No lote II, com 37 km, vai do acesso a Passagem/Quixaba/Entroncamento da BR-230, inclusive os acessos a Passagem e Cacimba de Areia. O valor estimado é de R$ 27.199.925,63.

Com a obra, incluída no Programa Caminhos da Paraíba, o Governo do Estado contempla uma população de 117.141 habitantes dos municípios acima citados, além de Patos. A rodovia terá um tráfego médio diário previsto, no primeiro ano, de 1.091 veículos entre automóveis, camionetas, ônibus, caminhões e motos. Existe a perspectiva de um aumento do tráfego que demanda para o Sertão e vice-versa através da BR-230, evitando acidentes na Serra de Santa Luzia.

Estão programados serviços  de terraplenagem, pavimentação asfáltica, seis novas pontes em concreto armado, drenagem profunda e superficial, cercas com estacas de concreto, recuperação de áreas degradadas, paisagismo e sinalização horizontal e vertical.

As duas construtoras contratadas através de licitação pública, a R. Furlani e a Artec S/A já estão com os canteiros de obras instalados respectivamente nos municípios de Salgadinho e Quixaba. A iniciativa do Governo do Estado visa promover o desenvolvimento sócio-econômico da Paraíba, modernização e ampliação da infraestrutura rodoviária estadual, integração das sedes dos municípios à malha rodoviária pavimentada, proporcionar rapidez no escoamento da produção regional, geração de prosperidade e elevação da qualidade de vida da população e oferecer conforto e segurança aos usuários da rodovia.

A diretoria do DER destaca que esta será uma das maiores obras de pavimentação rodoviária dos últimos anos na Paraíba. As obras de pavimentação, restauração e rejuvenescimento executadas, em andamento, em licitação e programadas já chegam a 1.556 km, dos quais 701 km foram concluídos; 602 km estão em andamento e 256 km programados em fase de elaboração de projeto executivo e estudos ambientais.

Nesta sexta-feira, às 16 h, em São José de Espinharas, o governador do Estado dará ordem de serviço para pavimentação da PB-275, trecho Patos/São José de Espinharas, com 21,7 km, beneficiando os dois municípios sertanejos e uma população de 20.514 habitantes. A obra tem um investimento de R$ 12.395.932,97. A pavimentação estará a cargo da construtora Copal, contratada através de licitação pública.

Inauguração – Na cidade de Salgadinho, o governador Ricardo Coutinho inaugura mais uma etapa da obra de implantação do Sistema Integrado Adutor Patos-Assunção, que garantirá o abastecimento de mais de 3 mil habitantes com água tratada na estação do Jatobá, em Patos. O investimento é da ordem de R$ 12,7 milhões, com recursos provenientes da Caixa Econômica Federal e do Governo do Estado.

De acordo com o presidente da Cagepa, Deusdete Queiroga, antes, o governador Ricardo Coutinho já havia inaugurado os trechos que estão garantindo o abastecimento d’água das cidades de Passagem e Areia de Baraúnas. “Com a inauguração do trecho de Salgadinho, ficará restando apenas a última etapa, que contemplará justamente a cidade de Assunção”, observou Deusdete.

O presidente da Cagepa estima que em junho do próximo ano a última etapa do Sistema Adutor Patos-Assunção esteja entrando em funcionamento, assegurando, assim, o abastecimento de água de aproximadamente 12 mil habitantes. “Além de Salgadinho, Passagem e Areia de Baraúnas, esse sistema já vem abastecendo os moradores de Cacimba de Areia e Quixaba, restando a cidade de Assunção”, enfatizou.

O Sistema Adutor Patos-Assunção, conforme explicou Deusdete Queiroga, consiste na implantação de 83.000 metros de linha adutora e construção de quatro estações elevatórias de água tratada e seis tanques de amortecimento unidirecional, o que garante, segundo ele, uma vazão de 84 mil litros de água por hora.


Secom-PB