X

Dólar
Euro
23 de May de 2019

Paraíba

Fiel: ONG faz campanha para adoção de cachorro que 'velou' mulher decapitada em JP

22/03/2014 | 15h40min

Fiel, foi o nome que a ONG Adota JP deu ao cãozinho resgatado nesta sexta (21) no bairro Valentina de Figueiredo. A imagem do animal com a pata machucada ao lado da cabeça da mulher (provavelmente sua dona) que foi decapitada chocou os paraibanos e foi veiculada nos programas de TV locais. 

O animal foi encontrado próximo ao corpo e permaneceu ao lado da vítima durante toda a perícia do Instituto de Polícia Científica (IPC). Os policiais acreditam que as escoriações e a pata machucada tenham sido causadas porque o cachorro teria tentado impedir a agressão.

A página da Adota JP contou a história triste do bichinho e colocou imagens da sua transformação: Resgate, ida ao veterinário e lar temporário. O cãozinho dócil de olhos tristes e principalmente fiel agora procura um novo dono:

Interessados em adotar Fiel entrem em contato com a Adota JP clicando neste link

'Eu sou o Cão FIEL. Eu vi de perto a crueldade humana com outro humano. Minha dona foi morta, arrancaram sua cabeça e prenderam em uma estaca. Eu fiquei ao lado dela, pois ao contrário dos humanos, nós animais somos fieis até a morte. 


Alguns humanos judiaram de mim, os tios policiais suspeitam que tenha sido o assassino da minha dona, pois tenho algumas escoriações e a patinha machucada.

Passei a noite na chuva ao lado dela.

Umas tias malucas foram lá no valentina, onde era bem perigoso pra elas. hihihi. Me deram comida, banho em petshop e uma consulta no veterinário. Vou tomar anti-inflamatórios e vou comer bem direitinho. Mas preciso de um lar temporário ou adoção. Pois só tenho abrigo até amanhã, estou em um apartamento vazio que foi alugado. Sou um cão dócil, amoroso e fiel. Ainda estou assustadinho, mas amo biscoitinhos

"O olhar do seu cão é o melhor espelho onde pode se ver a grandeza de sua alma." Autor desconhecido

Clique aqui para ver o resgate de Fiel do local do crime


Marília Domingues

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.

Notícias Relacionadas