X
Dólar
Euro
Tue Oct 16 02:56:17 GMT-03:00 2018

TV e Celebridades

Museu de Arte Popular da PB terá 'Sextas Musicais & Gente Nossa' com Luizinho Calixto e convidados

2018-05-16 09:36:00.0

Na próxima sexta-feira (18), às 19h, o Museu de Arte Popular da Paraíba (MAPP), da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Campina Grande, promoverá o evento "Sextas Musicais & Gente Nossa". Os dois projetos que denominam a iniciativa provêm da Universidade e pela semelhança de objetivos, preservação e propagação da cultura nordestina, uniram as ideias com vistas a oferecer uma alternativa de entretenimento e gratuita na Rainha da Borborema. Na oportunidade, o músico Luizinho Calixto se apresentará trazendo como convidados Jorge Simas e Nestor do Cavaquinho.

Professor do Centro Artístico Cultural da UEPB desde 2013, Luizinho é dono de um trabalho expressivo no panorama musical. O que lhe rendeu fama, certamente, foi o fole de oito baixos, no qual é dono de versatilidade admirável - passeia pelo tango, bolero, chorinho, valsa, bossa nova, frevos, além, é claro, dos xotes, forrós, sambas baiões e marchinhas juninas - mas Luizinho também toca acordeon 120 baixos, violão e cavaquinho, assim como instrumentos de percussão, a exemplo de zabumba, pandeiro, triangulo, agogô e reco-reco.

Do espetáculo no MAPP, o público pode esperar um repertório bem construído e variado, trazendo medalhões da música e também canções autorais, conforme acrescentou Luizinho. A ideia de convidar Jorge Simas e Nestor do Cavaquinho, aliás, veio de Luizinho, já que ambos fazem parte não apenas do seu trajeto musical, mas de seu convívio próximo. "Além de andarmos lado a lado profissionalmente, somos amigos há muito tempo. Eles me perguntavam por que eu não queria me apresentar com eles, eu respondia que não gosto de más companhias", disse, brincando.

De Luizinho, costuma-se dizer que tem a sanfona de oito baixos no DNA, junto com os outros "calixtos": o pai, Dideus, os irmãos Zé, Bastinho e João, e agora o sobrinho, Marcelo, que também envereda na música. Luizinho nasceu em Campina, em 1956, e cumula 11 trabalhos gravados, abrangendo vinis e CD's, além de exibições em todo o Brasil e em várias partes do mundo. Já dividiu o palco com Sivuca, Dominguinhos, Jackson do Pandeiro e Luiz Gonzaga.

Nestor Estácio do Nascimento Filho, o Nestor do Cavaquinho, nasceu em Sirinhaém (PE). Autodidata, aprendeu a tocar cavaquinho aos 16 anos. Com uma lata de doces, fabricou o próprio instrumento e, tempos depois, ganhou de um primo um braço de cavaquinho. Assim completou seu sonho: com tampo de compensado, trastes feitos com lâminas, materiais tirados de barris de cachaça. Viajou para o Rio de Janeiro em setembro de 1961, por força do trabalho. Lá permaneceu por 29 anos, fazendo parte de vários grupos de chorinho, tendo acompanhado, além disso, renomados artistas da área musical, como Altamiro Carrilho, Lecí Brandão, Zé do Norte, Jamelão, Ataulfo Jr. e Clementina de Jesus. Ainda no Rio, participou do programa "A Grande Chance", com o regional da TV Tupi comandado por Flávio Cavalcanti. Desde 1990 reside no Recife (PE), onde trabalhou com o cantor Noite Ilustrada e integrou o grupo Pingo de Ouro.

Especializado no violão de sete cordas, Jorge Simas é também compositor. Nascido na cidade do Rio de Janeiro (RJ), compôs vários estilos musicais, principalmente chorinhos e sambas. Gravou mais de cinco mil faixas em LP's, CD's e DVD's com os maiores intérpretes da música popular brasileira, com destaque para o cantor João Nogueira. Com ele viajou para várias partes do país, integrando a banda de Nogueira durante muitos anos. Outro primoroso trabalho de Jorge é com o cantor Noite Ilustrada, tendo participado dos célebres fraseados que fazem parte do pot-pourri do artista. Jorge também trabalhou com outras estrelas da MPB, entre eles figuram Cartola, Clara Nunes, Jair Rodrigues, Elis Regina, Dona Ivone Lara, Tom Jobim, Chico Buarque, Nelson Gonçalves e Waldir Azevedo.

Sobre o "Sextas Musicais" e o "Gente Nossa"

Iniciativa exitosa criada em 2011 pela professora do Departamento de Comunicação da UEPB, Goretti Sampaio, o programa "Gente Nossa" foi concebido dentro do curso de Jornalismo da Instituição. Assim, o programa tem a produção, texto, entrevistas e gravações feitas por estudantes do curso, sob a atenta coordenação de Goretti, configurando-se como laboratório para os futuros profissionais da área.

A atividade conta com o apoio da Coordenadoria de Comunicação (Codecom) da UEPB, atualmente envolve 23 estudantes e objetiva valorizar, preservar e disseminar o fazer criativo dos artistas regionais. Todos os conteúdos estão hospedados no site www.reporterjunino.com.br e também podem ser vistos no canal https://www.youtube.com/user/gentenossauepb.

O "Gente Nossa" já entrevistou diversas personalidades entre músicos, artistas, poetas e escritores, a exemplo de Oliveira de Panelas, João Gonçalves, Elino Julião, Rangel Junior, Manoel Monteiro, Duduta e Seu Regional, José Laurentino, Jessier Quirino e Marinês.

Partindo da informalidade e permeado por bate-papo e interação com a plateia, o projeto “Sextas Musicais” foi desenvolvido pelo MAPP da UEPB, tendo sido o seu primeiro encontro realizado em fevereiro de 2016. Os eventos têm entrada franca e almejam apresentar ao público grandes nomes da música nordestina, notadamente aqueles com mais tempo de trabalho na área e com significativa contribuição para a cultura paraibana.

A ideia do "Sextas Musicais" não é ser um show, mas um momento intimista em que o convidado possa encontrar os admiradores do seu ofício e contar um pouco mais sobre sua vida, obra e inspirações. Já passaram por ele artistas como Biliu de Campina, Mestre Marrom, Benedito do Rojão, Três do Nordeste, Severino Medeiros, As Ceguinhas de Campina Grande, Marcos Farias e Sabrina Vaz, entre outros.

Pela similaridade de ideais entre as atividades, o pró-reitor de Cultura, José Cristóvão de Andrade, entendeu que alinhá-las fortaleceria essas práticas. “Ambas as iniciativas vêm da Universidade, agregam professores, alunos e o público, sempre com essa tônica de ressaltar a nossa Arte, de louvar os nossos artistas e de resguardar e propagar o talento de raiz”, apontou.

Serviço

O quê: Sextas Musicais & Gente Nossa, com Luizinho Calixto e convidados

Quando: Sexta-feira (18/05/18)

Hora: 19h

Onde: Museu de Arte Popular da Paraíba (MAPP), às margens do Açude Velho, em Campina

Grande.

Entrada: Gratuita

CODECOM UEPB

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Paraíba.com.br não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo após o encerramento das eleições de 2018.