X
Dólar
Euro
Wed Feb 20 07:17:37 GMT-03:00 2019

Esportes

'Igreja é muito maior do que esses eventos que estão vindo à tona', diz vigário

2019-02-08 13:09:00.0

O vigário Geral da Arquidiocese da Paraíba, Padre Luiz Junior, comentou a respeito do decreto publicado pelo Arcebispo da Paraíba, Dom Manoel Delson, que proíbe, entre outras coisas, padres de ficarem sozinhos com crianças.

Para o vigário, o decreto normatiza uma orientação da igreja para os clérigos, padres e diáconos, no cuidado no trato com menores e adultos em situação de vulnerabilidade. O decreto seria um reforço, que já estava para ser emitido desde o final do ano passado, “o departamento jurídico e o canonista da arquidiocese já vinham elaborando, mas vieram as férias do arcebispo e na última quarta foi a primeira reunião do clero em 2019. O decreto que foi publicado e são cuidados que se deve ter para evitar e proteger a imagem do padre, dos menores e da instituição”.

O padre destacou que as denúncias recentes e multa aplicada pelo Ministério do Trabalho da Paraíba, pouco influenciaram na confecção do decreto que já estava em vias de ser feito, seguindo a orientação do papa Francisco. “O papa já vem falando muito que os bispos tomem iniciativas semelhantes no cuidado, no trato com menores e adultos em situação de vulnerabilidade”, disse.

“Dom Manoel Delson, em sintonia com o santo padre, colocou o decreto que já era orientação. São 12 artigos que o decreto contém, mas o pano de fundo são os cuidados que a instituição deve ter quando lida com crianças e adultos”, disse.

O padre afirmou que é doloroso para qualquer católico ver o nome da instituição envolvida em assuntos dessa natureza, mas não pode esquecer que a igreja no mundo inteiro e na Paraíba sempre foi uma instituição envolvida com agenda positiva, de estar ao lados dos pequenos, pobres, iniciativas sociais da igreja desde há muito tempo. Não pode avaliar a grandiosidade, missão evangelizadora, o bem que a igreja faz não pode reduzi-la a um fato como esse que por pior que tenha sido na totalidade dos seus membros nem expressão do que a instituição é na sociedade”, disse.

“A Igreja é muito maior do que esses eventos que estão vindo à tona”, finalizou.



Redação

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.