X
Dólar
Euro
Mon Feb 18 10:05:18 GMT-03:00 2019

TV e Celebridades

Entenda como Homem de Ferro quase levou a Marvel à falência

2019-02-10 09:07:00.0

Se você é do tipo de pessoa que adora acompanhar filmes de heróis e que há cerca de 10 anos estava circulando pelas salas de cinema procurando o que assistir, deve se lembrar muito bem de um certo frenesi quando Homem de Ferro foi lançado, em 2008. 

Na época, a onda de filmes de heróis estava só começando e a DC, concorrente da Marvel, já estava na frente e se preparava para lançar Batman: O Cavaleiro das Trevas. Tentando não ficar para trás, a Casa das Ideias também decidiu produzir obras cinematográficas voltadas para adaptações de seus principais personagens dos quadrinhos. 

Hoje, olhando para a grande importância de Homem de Ferro no Universo Cinematográfico Marvel, é difícil imaginar que a empresa cogitou não lançar o filme. Mas o que poucos sabem é que sua produção envolveu uma aposta de risco. 

Voltando mais um pouco no tempo, ao ano de 1996, a Marvel declarou falência após alguns investimentos em empresas que não vingaram e foi obrigada a vender o direito de adaptação de alguns de seus heróis para que pudesse pagar suas dívidas e seguir no mercado. A ação resultou na migração do Homem-Aranha para a Sony e na ida dos X-Men para a Fox. Outros personagens, na época menos conhecidos, permaneceram com a Marvel, como Capitão América, Homem de Ferro e Thor

Quando X-Men e Homem-Aranha foram lançados nos cinemas em 2000 e 2002, respectivamente, os principais chefes da Marvel perceberam que neste nicho havia uma grande oportunidade de prosperar novamente e recuperar seu lugar no mercado. A empresa procurou, então, um estúdio interessado em financiar a proposta do filme do Homem de Ferro, mas companhias como a Warner Bros. e a New Line recusaram, afirmando que estavam com medo de não receber um retorno positivo nas bilheterias.

Ansiosos para lançar o longa o quanto antes, os produtores executivos da Marvel tiveram uma ideia ousada: pedir empréstimo para um dos maiores bancos do mundo e deixar 10 de seus principais heróis como garantia. Assim, US $520 milhões foram adquiridos sob uma cláusula contratual de que personagens como Doutor Estranho, Pantera Negra, Hulk, Viúva Negra, entre outros, serviriam como respaldo financeiro caso a aventura dirigida por Jon Favreau não rendesse o esperado.

Mesmo considerando que Homem de Ferro poderia não arrecadar nem perto do necessário para cobrir a soma dos custos de produção, a Marvel seguiu em frente e felizmente emplacou um sucesso absoluto, iniciando o UCM e consagrando também o astro Robert Downey Jr. como um dos atores mais queridos da atualidade.

E se Homem de Ferro não tivesse sido lançado? Você acha que isso mudaria muita coisa? Conta pra gente! 


Adoro Cinema

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.