Logo PARAÍBA.com.br


Fernando Braz

Fernando Braz

Jornalista e radialista profissional, produtor cultural e estudioso em geopolítica. Atualmente, integra a equipe do Programa Rádio Verdade, da Arapuan FM 95,3, e colaborador do Paraiba.com. Contato com o colunista: email brazpb@yahoo.com.br e 9 8802-5859.



+ Artigos deste colunista
Todos os artigos

Abril geral!

2016-04-01 09:25:00.0


Caça às Bruxas

A edição do Diário Oficial da União (DOU) do último dia do mês de março trouxe o ato de exoneração de dois aliados indicados pelo PMDB paraibano na estrutura do governo federal no Estado, após o partido em nível nacional decidir pela saída da base de apoio de Dilma na última terça-feira (29).
Lúcio Matos e Juscelino dos Anjos, popularmente conhecido como Juscelino do Peixe, foram exonerados dos cargos de chefe da Superintendência Federal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento na Paraíba, e Superintendente Federal de Pesca e Aquicultura da Paraíba, respectivamente.

As indicações para os cargos foram feitas pelo deputado federal Hugo Motta (PMDB-PB).

Calendário

O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) alerta aos pretensos postulantes a cargos públicos eletivos para o fim do prazo de filiação partidária, que se encerra neste sábado (4). De acordo com o Calendário Eleitoral deste ano, os pretensos candidatos a prefeitos, vice-prefeitos e vereadores, que objetivem concorrer as eleições 2016, devem estar com a filiação deferida 6 meses antes do pleito.

Segundo a servidora da Corregedoria do TRE-PB Cibele Fonseca Bissigo e Sousa, com a publicação da Reforma Eleitoral (Lei nº 13.165/2015) o prazo para o encerramento da filiação partidária foi reduzido de um ano para seis meses e a data final deve ser respeitada porque não haverá prorrogação. “A filiação partidária é uma condição determinante para os pretensos candidatos, então quem não estiver filiado a uma agremiação partidária não poderá se candidatar”, explicou Cibele.


O Homem da Torre

Pré-candidato à Vereador em João Pessoa, empresário Marcelo da Torre tem se destacado por sua postura pacata e pelo diálogo aberto nos diversos segmentos sociais.
Filiado ao SD, partido solidariedade, Marcelo teve participação decisiva na manutenção de mais de 15 filiados na legenda. Evitou a debandada geral e demostrou com isso que é um expert nas articulações.

Marcelo da Torre figura na lista de prováveis eleitos para a Casa Napoleão Laureano.

Justificativa de Dilma

A presidente Dilma Rousseff afirmou, em uma cerimônia no Palácio do Planalto, que todos seus antecessores na Presidência da República fizeram "pedaladas fiscais", manobra contábil que é um dos crimes atribuídos a ela no processo de impeachment que tramita no Congresso Nacional.
 Os  juristas Miguel Reale Jr. e Janaina Paschoal – dois dos três autores do pedido de impeachment da petista – defenderam na comissão especial que analisa o processo de afastamento que as “pedaladas fiscais” constituem “crime grave”.
"Meu impeachment baseado nisso [pedaladas fiscais] significaria que todos os governos anteriores ao meu teriam de ter sofrido impeachment porque todos eles, sem exceção, praticaram atos iguais ao que eu pratiquei. E sempre com respaldo legal", discursou Dilma em uma solenidade na qual recebeu manifestações de apoio de artistas e intelectuais contrários ao impeachment. 

RC alfineta

“Tem gente no Congresso que aparece em um monte de listas e quer derrubar quem não apareceu em lista alguma”, alfinetou Ricardo Coutinho.
Só faltou dá nomes aos bois.

Plenária Girassol

E por falar em Ricardo Coutinho, o PSB realiza neste sábado (2), a partir das 10h no Esporte Clube Cabo Branco em João Pessoa, uma grande plenária com pré-candidatos a vereador e com o pré-candidato a prefeito de João Pessoa, João Azevedo, e com lideranças de toda a cidade. 
O evento intitulado Encontro com a Militância Girassol vai contar a presença do governador Ricardo Coutinho. A organização espera a participação de pelo menos 5 mil pessoas.

Você sabia?

O mensageiro WhatsApp adicionou oficialmente um recurso bem interessante capaz de deixar as mensagens mais complexas e os recados mais diretos. Trata-se da formatação básica de texto, que dá direito ao uso de negrito, itálico e riscado.

Vale lembrar que, para que a novidade seja visualizada de forma correta, o destinatário já precisa ter um WhatsApp com a função ativada (veja a seguir o que é necessário para ter isso antes de todos). Quem envia o recado não precisa seguir o pré-requisito. Aos poucos, usuários de diferentes plataformas e sistemas operacionais estão recebendo a função.

Abraços Online

Professor e jornalista Humberto Junior, Léo Bezerra, Advogado Davi Lira, Juninho Queiroz, Vall França, Jefersson Santos, Henrique Lima, Raíque Everton e Rafael Lima.

A Última
“Todo dia, era dia de índio!”
(0) Compartilhar Imprimir

Fechar [x] TÍTULO DA IMAGEM